Mães bem resolvidas. Saiba se você é uma delas Ser mãe é lindo, mas ser uma mãe bem resolvida é tudo

mãe bem resolvida

Imagem: Canva

Se você age com seu filho de forma tranquila e segura, cuida dele com muito amor e responsabilidade, busca dar a ele uma boa formação em todos os sentidos, princípios e valores de forma com que ele se torne um adulto bem resolvido, então, considere-se uma mãe bem resolvida, garante a psicóloga com 43 anos de atuação, Dra. Maria José de Almeida Nolasco que, gentilmente, concedeu uma entrevista ao Planeta Mãe e esclareceu questões importantes sobre a saúde emocional de muitas mães.

Apesar de linda, a maternidade cansa, principalmente no início. Perdi as contas de quantas noites fiquei sem dormir. Eram tantos cuidados diários e repetitivos com as minhas bebês que esquecia até de comer. Até que um dia cheguei no meu limite, chorei de exaustão. Sabe aquele choro merecedor de um oscar… Mas era de cansaço e não de infelicidade, longe disso. Acho importante ouvir nossos próprios sentimentos para que sejamos capazes de buscar melhorias. Se você sente que não é feliz com a maternidade, procure ajuda de um profissional para que seu filho não sofra possíveis reflexos. Segundo a Dra. Maria José, em casos como este, alguns aspectos devem ser trabalhados, dentre eles:

  • a importância da maternidade para a mulher;
  • a educação dos filhos como necessidade de doação e não de egocentrismo;
  • trabalhar aspectos familiares em termos de complemento para a vida.

E quando a mulher teve filhos apenas para satisfazer a vontade do marido e não se doa como mãe?

“Se a mãe não dá afetividade, gera alguma disfunção na formação da criança como sentimentos de rejeição, isolamento, falta de autoconfiança e insegurança. Em muitos casos surge a depressão, TOD – transtorno opositivo desafiador, TOC – transtorno obsessivo compulsivo, entre outros ligados a afetividade. Por isso é muito importante, ao perceber a criança, encaminhá-la para cuidados e tratamentos terapêuticos, assim como os pais receberem orientações”, esclarece.

No início da maternidade é comum mulheres terem o apetite sexual reduzido ou até mesmo o total desinteresse por sexo, gerando insatisfações e cobranças por parte dos parceiros. O que o sexo influencia na vida da mulher para que ela seja uma mãe bem resolvida?

O sexo influencia na vida da mulher de acordo com o valor que ela dá a ele. Há mulheres que são muito bem resolvidas em todos os sentidos, inclusive na maternidade, sem gostar ou ter o menor interesse por sexo, pois é o recurso que tem para ser mãe e pode ser uma maravilhosa independente disso”, explica.

Se você está grávida ou planeja ter filhos é importante que esteja preparada para as mudanças constantes pelas quais passará. Já ouvi algumas mães dizerem que existe vida após a maternidade e concordo, mas se cuidamos para que isso aconteça. As transformações ocorrem e o ideal é que não sejam desenvolvidas em ansiedade, angústia, medo ou frustração. Faça um pré-natal psicológico. Já ouviu falar? Trata-se de uma prevenção para que mães não sofram com distúrbios emocionais após tantas transformações com a chegada do bebê ou dos bebês, no caso de mães de múltiplos como eu. Compre o enxoval, monte o quarto do bebê, previna as estrias com bons cremes, mas cuide, principalmente, da sua saúde mental para garantir que você seja uma mãe bem resolvida. Faça isso por você, pelo seu bebê, pela sua família. Ah, e o mundo agradece!

Dra. Maria José de Almeida Nolasco – CRP 01/245 é Psicóloga há 43 anos com especialidade em Psicomotricidade (Ramain), Gestalt, Sexologia, EMDR (traumas) e BRAISNPOTTING (traumas). Atende na Clínica de Orientação Psicopedagógica – COPP, em Brasília, no endereço SGAS 915 bloco B salas 302/305 – Ed. Office Center – Asa Sul. Marcação de consulta pelos telefones (61) 3242-6174 / 3244-8056.

 

 

 

 

 

 

 

4 thoughts on “Mães bem resolvidas. Saiba se você é uma delas Ser mãe é lindo, mas ser uma mãe bem resolvida é tudo

  1. Essa é uma das muitas mulheres guerreiras,merecedora de muito carinho amor e muito mais parabéns tia te amo.bjos.

  2. Excelente blog com material em enfoques diversos, de interesse não apenas das mães, mas das pessoas em geral. Muito informativo e os temas são aprofundados instigando reflexão e debate. Parabéns!!!

    1. Lisonjeada com seu comentário, Kátia. Muita delicadeza da sua parte. Obrigada! O blog foi criado com muito carinho e com a finalidade de ajudar pessoas que buscam informações e depoimentos sinceros sobre a maternidade. Que Deus me ajude nesta missão. Cada carinho, como o seu que recebo, me motiva ainda mais. Grande abraço. Pati

Deixe seu comentário